Festas do Povo de Campo Maior

As festas do povo de Campo Maior realizam-se apenas quando o povo quer, mas sempre que isso acontece, o resultado é um deslumbre de cores e flores.

0
1971

As Festas do Povo consistem na ornamentação das ruas de Campo Maior, maioritariamente no Centro Histórico. Para o enfeite das ruas são usadas flores de papel e outros objectos em cartão e papel, feitos artesanalmente pela população. Este evento tradicional único já alcançou elevada notoriedade, tanto a nível nacional, como internacional. Sendo estas festas são sobejamente conhecidas, também, como Festas dos Artistas ou Festas das Flores.

Festas do Povo de Campo Maior
Festas do Povo de Campo Maior

Esta celebração, por tradição, só acontece quando o povo assim o desejar, dado que a realização da mesma depende maioritariamente do voluntariado e da força de vontade dos habitantes de Campo Maior – Campomaiorenses. A preparação das festas é realizada autonomamente por cada rua, sendo mantido em segredo o trabalho desenvolvido em cada uma delas. Mesmo para amigos e familiares dos moradores, os enfeites só são dados a conhecer na noite da “enramação” – a noite em que se enfeitam as ruas.

Festas do Povo de Campo Maior
Festas do Povo de Campo Maior

O modelo das Festas que hoje podemos encontrar conta com 20 edições realizadas e o número de visitantes tem vindo a crescer substancialmente. Em 2011 (27 de Agosto a 4 de Setembro) as Festas do Povo contaram com a participação de 104 ruas, as anteriores edições, apesar da sua grandiosidade, contaram no máximo com 90 ruas engalanadas. Este feito demonstra claramente a vitalidade e importância que este evento tem para a população de Campo Maior.

Festas do Povo de Campo Maior
Festas do Povo de Campo Maior

A diversidade encontrada nas ruas “enramadas” é surpreendente, de beleza inigualável. É sem dúvida de vangloriar e enaltecer um trabalho que demora em média sete meses a ser realizado, para numa única noite ser aplicado a cada rua, correspondentemente. Na manhã que marca o início de mais uma edição das Festas, a vila raiana acorda transformada num autêntico jardim em flor.

Festas do Povo de Campo Maior
Festas do Povo de Campo Maior

A origem destas festas tem por base o culto a S. João Baptista, constituído padroeiro de Campo Maior desde o século XVI. Começando a tradição de decorar as ruas no ano 1909. Este é o ano que marca o início das Festas do Povo. A realização desta celebração contou sempre com grande irregularidade, quer por questões políticas, quer por meros caprichos da fortuna.

Festas do Povo de Campo Maior
Festas do Povo de Campo Maior

As comemorações em honra do Precursor de Cristo começaram-se a realizar no século XVIII. Tendo por base o agradecimento ao santo ter protegido e salvo Campo Maior nas aflições de um cerco por tropas invasoras, na eminência de invasão e assalto à povoação, em contexto da Guerra de Sucessão de Espanha. Tal como acontece com outros factos e acontecimentos históricos, as Festas do Povo de Campo Maior têm sido explicadas de diversas formas, contando sempre com alguma fantasia.

Festas do Povo de Campo Maior
Festas do Povo de Campo Maior

Admite-se então que as Festas teriam nascido numa determinada rua da vila, a Rua Nova, e ligadas à actividade de um grupo das gentes da mesma – os contrabandistas. Embora nenhum documento ou facto conhecido possa confirmar semelhante afirmação, toma-se como dado adquirido que o contrabando foi sempre uma actividade importante em Campo Maior, natural das povoações na cercania com Espanha. Como facto comprovado, os contrabandistas, em anos prósperos, tinham por hábito festejar, procedendo à organização de um desfile e um arraial em honra de S. João Baptista (São Joãozinho), que assumiam como protector da sua arriscada actividade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here